Reserve com preços exclusivos

Experiências incríveis

Coquetéis

Nossas frutas tropicais dão um sabor todo especial aos coquetéis, ideais para serem degustados de frente para o mar. Um dos mais charmosos e famosos na praia do Francês, por exemplo, é o de abacaxi, feito dentro da própria fruta, num mix de destilado, gelo e açúcar.

Barracas, bares e restaurantes listam opções que vão do tradicional limão à seriguela, todas ótimas opções para calibrar o dia e a noite. Pelas praias, muitos ambulantes se espalham com opções de drinks batidos e socados, que são uma atração à parte.

Veja mais:

Ver e ser visto

Uma área que reúne gente bonita, muita paquera e esportes ao ar livre: esse é o trecho entre o Alagoinhas e a feirinha da Pajuçara, com bares a beira-mar e badalação garantida.

Aos domingos, a rua fica interditada para carros e os alagoanos e turistas podem andar de skate, bicicleta, patins… A tranquilidade permite que famílias se divirtam e apreciem o pôr do sol. Para quem gosta de esportes náuticos, é possível praticar Stand Up Paddle.

Veja mais:

Lado B

O lado B das programações na alta temporada também reservam boas e agradáveis surpresas. O bairro de Garça Torta, ao norte de Maceió, está fora do circuito mais visitado da cidade e, por isso, não está entre os roteiros explorados pelas agências. Lá, a faixa de areia se revela democrática, do público alternativo a quem só quer admirar o mar e os coqueirais.

Os bares pé na areia oferecem petiscos e almoço, além de música nos finais de semana. Já ao sul, no Pontal da Barra, é possível, às quintas-feiras, comer pizza na brasa a céu aberto e com música ao vivo.

Veja mais:

Aventuras

Se aventurar com esportes emocionantes pode ser uma opção para quem está em Alagoas. Do alto, a adrenalina reina: paraquedas, escalada e rapel estão na lista do que não pode faltar nas suas férias.

A ponte Divaldo Suruagy é a base para o rapel. Já para saltar de paraquedas, o local é o Aeroclube, localizado na parte alta de Maceió. Na região do São Francisco, em Delmiro Gouveia, é possível praticar a escalada ou o psicobloc, ambos feitos em paredões com vários tipos de dificuldades.

Veja mais:

Maracatu

Com origem no Nordeste, o Maracatu arrepia com as suas alfaias, taróis, ganzás e agogô, que, juntos, ecoam pelo bairro do Jaraguá em dias de ensaio.

Dois grupos fortes em Alagoas, Coletivo AfroCaeté e Maracatu Baque Alagoano, oferecem aulas de aprendizagem e realizam ensaios abertos, e ambos trabalham para difundir as riquezas musicais de Alagoas. Vale dar uma olhada no calendário dos grupos e participar desse momento de grande energia e interação.

Veja mais:

No precinho

Artesanato alagoano no preçinho? O Mercado do Artesanato, no centro de Maceió, apresenta uma variedade incrível de souvenirs, que vai desde saídas de praia a sandálias de couro, de peças para casa a bancos de madeira, tudo em um local que reserva um cenário de comércio popular intenso, perto dos trilhos do VLT. Os ônibus de turistas não costumam passar por lá, mas quem vai não se arrepende com os preços e a variedade de peças de um dos artesanatos mais ricos do Brasil.

Mergulhar... no azul piscina...

“Mergulhar no azul piscina” é a grande pedida para explorar a vida marinha na capital e em Maragogi. Já para quem quiser pegar uma onda, sugerimos as praias de Jacarecica, Cruz das Almas e Francês – rota de campeonatos nacionais e internacionais. Na mistura de windsurf com esqui e surf, no kitesurf, as enseadas mais procuradas pelos praticantes da atividade são as da Pajuçara, Ponta Verde e da Jatiúca.

Veja mais: