Reserve com preços exclusivos

Praias imperdíveis

O sol se faz presente em Alagoas durante todo o ano, mas entre os meses de setembro e março, a orla mais bonita do Brasil fica ainda mais fotogênica. Durante a alta temporada, o vai e vem de turistas movimenta o calçadão das praias de Pajuçara, Ponta Verde e Jatiúca, e as opções de passeio de norte a sul são oferecidas nas proximidades dos hotéis. Confira como chegar e o que fazer nesses paraísos!

Praias urbanas Maceió

Situadas em nossa orla urbana, as praias de Ponta Verde, Pajuçara, Jatiúca e Cruz das Almas reúnem os principais points da cidade, onde se concentram os hotéis e o comércio voltado ao turista, como as feirinhas de artesanato. As barracas da orla ainda apresentam uma ótima estrutura para curtir tanto o dia quanto a noite.

Da praia de Pajuçara saem as embarcações para as piscinas naturais, e o passeio custa em média R$ 45,00 por pessoa. É importante conferir a tábua da maré, pois as jangadas saem preferencialmente em maré baixa.

Na orla de Ponta Verde, é possível a prática de Stand Up Paddle e Windsurf ou alugar um caiaque duplo ou individual, e ainda aproveitar a experiência de um batismo de mergulho. As opções de esporte custam em média de R$ 15 a 220 reais/hora.

Veja mais:

Praia do Francês

A apenas 17 quilômetros do centro de Maceió, o acesso pela via duplicada AL 101 Sul nos leva a esse pedaço de paraíso. Com diversas opções de bares, restaurantes e hotéis, a infraestrutura da famosa Praia do Francês não deixa a desejar.

No Francês, o mar agrada tanto os banhistas que procuram águas tranquilas quanto os surfistas, indo de piscinas formadas por recifes de corais a áreas cheias de ondas.

Ah, e os surfistas nem precisam se preocupar em levar sua prancha: seja ela de Stand Up ou bodyboard, o aluguel é mais prático e barato (média de R$ 35,00/hora). Na ida ou na volta, vale passar pelo Pólo Gastronômico da Massagueira, a 6 km do Francês, para degustar uma gastronomia à base de frutos do mar.

O receptivo te leva por uma média de R$ 35 reais.

Veja mais:

Barra de São Miguel

Com infraestrutura turística, a Barra de são Miguel, a 27 quilômetros da capital, conta com várias barracas que se espalham pela orla e muitos points para desfrutar o dia. Para quem gosta de Stand Up Paddle e caiaque, o aluguel sai em média R$ 20,00 (meia hora).

Da Barra, saem passeios de catamarã para um verdadeiro aquário natural. Um dos tours de experiência que indicamos é a visita de lanchinha até a Vila Paleteia (média de R$50,00 por pessoa), onde a comunidade de pescadores divide com os turistas a vivência do cultivo de ostras.

Veja mais:

Praia do Gunga

O Gunga fica bem pertinho do Francês. Aqui, o mar se encontra com a Lagoa do Roteiro resultando em um cartão postal digno de aplausos, com uma boa estrutura de restaurantes e barracas de praia para apreciar o visual.

Nesse paraíso também é possível praticar esportes náuticos, como o Stand Up Paddle, snorkel ou cilindro nos naufrágios e recifes de corais. O visual é paradisíaco. Vale visitar o Mirante do Gunga – ponto fotográfico tradicional do passeio – por apenas R$ 2,00 e as falésias coloridas!

O acesso para quem está em Maceió se dá pela AL 101 Sul, em um percurso de 34 quilômetros a partir do centro da cidade. De carro, a BR-101 liga o município à Barra de São Miguel.

Veja mais:

Praia de Paripueira

As águas morninhas de Paripueira, famosa pelos tons de verde, encantam – e também te levam a piscinas naturais paradisíacas (R$ 50,00/pessoa) e à praia do Carro Quebrado, em Barra de Santo Antônio, recortada por falésias de diferentes tons.

De carro pela AL 101 Norte, o deslocamento é de pouco mais de 30 quilômetros. Durante o Carnaval, Paripueira é um dos municípios que mais ficam movimentados e com programações musicais à noite. A boa estrutura permite opções de pousadas mais baratas que as oferecidas na capital e os restaurantes têm atrativos para um dia inteiro de descanso. Receptivos te levam por uma média de R$ 40,00.

 

Veja mais:

Barra de Santo Antônio

A Barra tem opções de praias para agradar a todos os gostos, da tranquilidade à agitação. Aqui, um dos passeios mais requisitados por turistas e alagoanos é a visita a praia de Carro Quebrado. O restaurante Mar & Cia oferece o passeio por média de R$ 75,00. Com três horas de duração, o ônibus vai até o município e, de lá, a lancha vai a Carro Quebrado, com um tempo de permanência de 50 minutos. Nesse mesmo restaurante, o Day Use custa R$ 5,00, mas crianças até 11 anos não pagam.

O acesso de Maceió, pela AL 101 Norte, até a Barra de Santo Antônio, é de 37 km.

Veja mais:

São Miguel dos Milagres

Localizada no litoral norte de Alagoas, a pouco mais de 93 quilômetros de Maceió, Milagres é um paraíso protegido por recifes que formam piscinas naturais. A hospedagem é garantida pelas pousadas de charme, além de variadas opções de alimentação que incluem um cardápio diverso de pescados.

O mar é calmo e ideal para práticas de esportes como Stand Up Paddle e passeio de caiaque (média R$50,00 a R$70,00). Pertinho de Milagres tem o santuário do peixe-boi marinho, em Porto de Pedras, e o passeio (média R$50,00) se dá ao longo do rio Tatuamunha com idade mínima de 7 anos para a visitação.

Receptivos te levam a Milagres por uma média de R$ 65,00.

Maragogi

A cerca de 128 quilômetros da capital, entre Maceió e Recife, Maragogi reforça nosso título de “Caribe brasileiro“. Aqui, as opções de hospedagem são ótimas! Para passeio, o mais conhecido é o das Galés (média de R$100,00), que ficam a 6km da costa. Mas atenção: em prol da sustentabilidade, existe um número limitado de acessos por dia.

O mergulho com cilindro também está na lista de atividades imperdíveis (média de R$220,00/ 3h,  incluindo registro fotográfico). Os passeios de buggy são uma ótima opção (de Maragogi até São Miguel dos Milagres custa R$ 350,00 / de Maragogi até Peroba, R$ 170,00). A gastronomia é à base de frutos do mar, e uma das iguarias mais famosas é o sequilho – bolo de goma à base de manteiga e leite de coco.

Veja mais: