Reserve Hotéis com preços exclusivos

Maragogi imperdível

Maragogi é convite irrecusável no litoral norte de Alagoas. O segundo destino turístico do Estado reúne opções de sol, mar, zona rural, aventura, gastronomia, ecologia, cultura e artesanato. Com o seu belo litoral e extensa faixa de arrecifes, é lugar para ficar mais de um dia, se aconchegar nos resorts, hotéis e pousadas, e ver o sol nascer, caminhar pela trilha do Visgueiro, saborear o café regional, mergulhar, e descobrir porque Maragogi é imperdível. Não é a toa que Maragogi é considerado o Caribe alagoano, viu?

Aquário a céu aberto

Em dias de sol e de maré baixa, o seu destino está traçado até as Galés de Maragogi, Taocas e Barra Grande, onde se chega através dos catamarãs, para contemplar um verdadeiro aquário a céu aberto. Para viver a experiência do mundo aquático, aposte nos mergulhos porque a vida marítima é bela. Ou use uma simples máscara para se deixar fascinar pelo olhar, de dentro do mar. Mas lembre-se que você está numa Área de Preservação Ambiental (APA), portanto, apenas fotografe e não retire corais do local. A natureza agradece. Sob a superfície ou em suas profundezas, o mar de Maragogi é lindo de qualquer jeito. Dê preferência aos passeios realizados durante a lua cheia ou lua nova, que são quando as marés ficam mais baixas que o normal.

Ame o Meio Ambiente

Lembre-se que você está numa Área de Preservação Ambiental (APA), portanto, apenas fotografe e não retire corais do local. A natureza agradece. Todos esses passeios são feitos por empresas que te darão suporte e dicas importantes. Fique atento para aproveitar o passeio melhor.

 

Praias serenas

Maragogi tem 22km de litoral emoldurados por coqueirais, recifes, águas claras e muita paz. As praias são as estrelas da cidade. A de São Bento tem o sabor doce dos bolinhos de goma e lembra uma vila de pescadores. A que dá nome à cidade, tem bares, restaurantes, lojas de artesanato, tudo ao seu dispor.

Mais ao norte

Escolher a praia mais bonita é uma tarefa árdua. Mais ao norte de Maragogi, encontramos Barra Grande, Antunes, deserta e esplêndida, e Ponta do Mangue, a mais tranquila e que figura entre as mais bonitas da região. Burgalhau, com seus vastos coqueirais, tem marisco ao coco para saborear. E Peroba, quase na divisa com Pernambuco, tem sempre vendedores de cocadas para adoçar a nossa vida.

Festival da Lagosta

Quando novembro chega é tempo do Festival da Lagosta de Maragogi. O destino fica ainda mais saboroso, as receitas vão desde lagosta ao perfume de capim santo até a sopa do crustáceo. Durante o evento, os pratos têm desconto no preço e a praça Multieventos ganha uma arena gastronômica com comidinhas, shows, apresentações folclóricas e aulas de culinária. Em média 20 restaurantes participam do festival, que já teve sete edições até hoje.

Trilha do Visgueiro

A Trilha do Visgueiro é a mais famosa de Maragogi, com duração de quatro horas. A caminhada começa na área rural do município, no assentamento Água Fria. O nome da trilha é uma homenagem à árvore conhecida como visgueiro, com mais de 22 metros de altura, e com seus ditos 500 anos de vida. Suas raízes são uma fortaleza. A caminhada vale a pena, pois, ao fim de tudo, a árvore te espera majestosa com suas raízes que são como uma fortaleza.

Populares

As praias de Antunes e Peroba se tornaram points para quem busca por privacidade. Desertas e com ar de esplendor, elas geralmente são ocupadas por alguns vendedores de cocadas que prometem adoçar sua passada por lá. Estão próximas a Pernambuco, então se vier de lá, não deixe de fazer uma parada.

Passeio de Balsa

Pelo rio Manguaba é possível chegar em Japaratinga e Porto de Pedras. Que tal encarar o passeio de balsa e conhecer o Projeto Peixe-Boi? Sem dúvida alguma estender um pouco a viagem vai enriquecer a sua experiência por Alagoas. Os valores variam de R$ 10 a R$ 30!

Mulheres de Fibra

Durante o passeio da Trilha do Visgueiro, conheça a Associação das Mulheres de Fibra. São donas de casa e trabalhadoras rurais que usam fibra do caule da bananeira para bordar o ponto do bordado de filé. Da arte dessas agricultoras nasce o artesanato utilitário e decoração.

Fazenda

Além da trilha de Visgueiro, existem outros roteiros rurais, a exemplo da Fazenda Marreca. Ideal para a família curtir os ares do campo com trilhas, passeios a cavalo, e visitação ao alambique de cachaça.

Cooperativa

Castanha, mel de abelha, amendoim confeitado, polpas de frutas, broinhas de Maragogi, são alguns dos produtos agrícolas da Cooperativa dos Pequenos Agricultores.

Vitrine

No centro de Maragogi, visite a Vitrine do Artesão, com o artesanato das Mulheres de Fibra e outros produtos, como as luminárias de coco. Também no centro, encontram-se outras lojas de artesanato, de mergulho, de bicicletas para alugar, restaurantes, bares, agências receptivas e bancárias.

Maragogi Doce

No povoado da praia de São Bento, as barraquinhas de doces e bolachas produzidas em pequenas fábricas e na própria casa dos moradores, despertam o olhar dos visitantes. Os famosos bolinhos de goma em formato de concha são os mais requisitados.

Fé em São Bento

O dia 11 de cada mês é dia de fé, dia de procissão, que começa às 5h, até o Mosteiro de São Bento, localizado no alto da colina. O templo, hoje em ruínas, surgiu por volta de 1695 e é tombado pelo IPHAN. Do mosteiro se tem uma bela vista para o mar. Também pode ser visitado no roteiro do passeio de bugre pela cidade.

Pela estrada

Depois dos passeios de catamarã aos aquários naturais, tem o passeio de bugre por mais de 20km de praias, passando pelo Alto do Cruzeiro, onde se tem uma vista panorâmica da região, além de praias quase desertas.

Conforto à beira mar

Maragogi oferece meios de hospedagens para todos os gostos e bolsos são pousadas econômicas, hotéis, resorts com all inclusive, e pousadas de charme para viver no paraíso, como sempre pediu a Deus.

Amo Maragogi

Ir a Maragogi, litoral norte de Alagoas, é esquecer do relógio e ter a sensação de que o tempo passa bem devagar. Destino estrelado de roteiros brasileiros de praia, a cidadezinha litorânea é para quem gosta do binômio “sombra e água fresca”, aliado a boa gastronomia à base de frutos do mar e passeios que levam milhares de turistas às piscinas naturais.