Praia do Francês

A praia do Francês é um cantinho sagrado dos alagoanos, localizada no município histórico de Marechal Deodoro, litoral sul. O lugarejo reúne todas as tribos e várias gerações em torno da linda praia. Segundo os historiadores, o local ficou conhecido como Praia do Francês porque os franceses do século XVIII escolheram esse pedaço do nosso paraíso para contrabandear o pau-brasil e outras mercadorias. É uma praia de referência dentro e fora do Brasil, quando se fala de turismo em Alagoas.

Azul do céu

A praia do Francês tem um mar azul tão bonito quanto o céu, próprio para se mergulhar em suas águas transparentes e salgadas, protegidas por arrecifes, lugar especial para família curtir a paz da praia. Tradicionalmente os ambulantes cadastrados vendem casquinha de siri, camarão, água de coco e os famosos coquetéis no abacaxi para refrescar do calor. Do lado esquerdo, mar tranquilo. Do lado direito da vila de pescadores, encontram-se ondas perfeitas para surfar.

Haja Sabores

A praia do Francês é um destino para ficar e curtir em todas as suas nuances. Comer tapioca no café da manhã, caminhar na areia, mergulhar, são excelentes pedidas. Mas reserve também um espaço para conhecer o povoado e seus muitos sabores do açaí na tigela, das peixadas, dos camarões com pirão, das lagostas grelhadas, aromas do manjericão nas pizzarias e restaurantes italianos, além do pãozinho de queijo dos mineiros, do siri de coral, da galinha guisada e da “Mulher Parida”, uma iguaria regional. Francês não é amor de um dia só, mas de vários dias.

Mergulho nos Corais

Com o mar tão bonito da praia do Francês, os turistas alagoanos, brasileiros e estrangeiros podem mergulhar nas águas cristalinas para ter um contato mais próximo com a vida marítima, a exemplo dos mergulhos nos navios naufragados, entre eles, o Itapagé. Para os iniciantes, tem o batismo na área dos corais.

Aulas no Mar

Para aprender a surfar ou ter aulas de stand up paddle (remar em pé em cima de uma prancha) têm empresas especializadas, mas quem já é peixinho é só entrar na praia e se divertir. Mas lembre-se: quem não sabe nadar deve curtir apenas na área protegida pelos corais.

Navegando

Navegar pelo mar do Francês é também outra boa pedida. O roteiro de barco vai da praia até às piscinas naturais para vivenciar a riqueza marítima dos corais que embeleza o litoral sul alagoano.